Em 27 de março de 2020, a ANTT publicou a resolução Nº 5.876, que dispõe sobre as medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus, a qual prevê a suspensão das obrigações e penalidades relacionadas ao cadastramento da Operação de Transporte, com a consequente geração do CIOT, para as contratações que não envolverem TAC e TAC-Equiparado.

Desta forma, a ANTT estabelecerá novo prazo, ainda não divulgado, para que as Instituições de Pagamento Eletrônico de Frete, adequem seus sistemas informatizados.